quarta-feira, 30 de maio de 2018

Comer sem birras


Autor: Filipa Sommerfeldt Fernandes
Ano: 2017
Editora: Manuscrito
Número de páginas: 200

Lido entre 25/05/2018 e 28/05/2018 (4 dias)
Classificação: 4/5


Opinião:
Como o meu filho vai iniciar proximamente a alimentação dos sólidos, andava à procura de um livro que desse conselhos e sugestões para esta nova fase. O que eu encontrava em todo o lado eram receitas. Então, fiz primeiro uma pesquisa na net de eventuais livros que pudessem abordar este assunto, e depois fui folheá-los na fnac. Este era o único, dos que vi, que encaixava no que eu procurava. Chamou-me também à atenção o facto de já ter lido outro livro desta autora: 10 dias para ensinar o seu filho a dormir. Em relação ao sono, para já está a correr tudo bem. Tenho seguido algumas das sugestões da autora. Por isso, resta experimentar como será em relação à alimentação.
Uma crítica ao livro é que a autora refere as mesmas coisas por diversas vezes. Penso que era capaz de ter feito um livro mais fininho (como o "10 dias para ensinar o seu filho a dormir"), e menos repetitivo. 
Outra crítica é para a revisão do texto. Houve, pelo menos, três frases que achei que o revisor de texto falhou. Eu também às vezes erro, mas eu não escrevo livros, nem tenho revisores. :)
Algumas das estratégias da autora fazem sentido, mas outras fazem pensar se resultarão mesmo. Entretanto terei oportunidade de ver isso. 


Sinopse:
"Para algumas famílias a hora da refeição é um momento de stress que tem como ingredientes choro e muitas birras.

Há crianças que simplesmente cerram a boca, e ali não entra nada. Outras demoram duas horas para comer a sopa. Há quem adore ervilhas e no dia seguinte as odeie. Há os esquisitos que só comem isto e aquilo e os que exigem bife com arroz todos os dias… Também há pais que se tornam chefs e fazem três jantares diferentes para evitar birras. Ou os que ao porem a mesa para o jantar ligam de imediato o tablet porque ao menos distraídos com 31 vídeos e 20 canções os filhos sempre vão comendo alguma coisinha…

Filipa Sommerfeldt Fernandes, terapeuta de sono infantil, ouviu as famílias que passaram a dormir perguntar-lhe vezes sem conta como fazer para os filhos comerem melhor. Dedicou-se, por isso, a estudar este tema e a encontrar as melhores estratégias para ajudar os mais pequenos a comerem de forma variada e sem birras. Este livro é o resultado da sua experiência com milhares de famílias ao longo dos últimos anos. Um plano de 6 semanas, com resultados garantidos, para que acabem as guerras à mesa. É essencial perceber que a comida não é moeda de troca, nem serve de recompensa e não podemos obrigar as crianças a comer, mas também não devemos desistir ao primeiro «não». O fundamental é manter a calma.

Neste plano prático e recheado de dicas, vai aprender a definir os Tempos para Comer ou a oferecer ao seu filho a lista dos alimentos «Amados», variando e introduzindo aos poucos e sem disfarces os «Inimigos» e os «Desconhecidos». Vai ainda ter acesso a uma série de pequenos (grandes) truques que o vão ajudar a transformar as refeições em momentos descomplicados e mais felizes.

Este não é um livro sobre o Que comer, mas sim Como comer, porque ter fome é natural, mas comer bem, e no momento adequado, é algo que se aprende. E se ensina."

terça-feira, 22 de maio de 2018

Os primeiros 18 meses do bebé


Autor: Anne Yelland
Ano: 1998
Editora: Círculo de Leitores
Número de páginas: 111

Lido entre 18/05/2018 e 21/05/2018 (4 dias)
Classificação: 2/5


Opinião e sinopse:
A imagem tem a capa do livro em inglês, mas o que eu tenho é em português.
Esta leitura vem no seguimento de outros livros sobre bebés que tenho andado a ler. Sinceramente estava à espera de um livro mais interessante. O facto de ser um livro de há 20 anos, também não ajuda, embora haja imensa coisa que é completamente intemporal.
Aborda vários assuntos: cuidar do bebé, a alimentação, o crescimento, a segurança, o bebé doente, os primeiros socorros.
Acho que se há 100 anos alguém visse este livro era capaz de se rir. "Um livro que ensina como pegar e vestir um bebé?"

quinta-feira, 10 de maio de 2018

Guia completo para cuidar de bebés e crianças


Autor: Miriam Stoppard
Ano: 1995
Editora: Civilização
Número de páginas: 352

Lido entre 27/04/2018 e 09/05/2018 (13 dias)
Classificação: 3/5


Opinião:
Livro emprestado pela minha irmã.
A minha opinião em relação a este livro é um bocado antagónica. Por um lado, estive super motivada e aproveitava todos os bocadinhos para ler mais uma página. Por outro lado, não concordei com várias coisas que a autora escreveu. E outras coisas referidas já não fazem sentido atualmente.
Achei curioso o facto da autora abordar por várias vezes a diferença no desenvolvimento entre rapazes e raparigas. Eu tinha ideia disso ser só por altura da adolescência, mas afinal começa logo em bebés.
Os capítulos deste livro são: "o seu bebé", "cuidados diários", "brincadeira e desenvolvimento", "vida em família", "necessidades especiais", "medicina e cuidados de saúde".
Vi agora que existe este livro com uma capa diferente, de 2002. Terá sido também atualizado o conteúdo?


Sinopse:
"Um manual prático, tranquilizador e abrangente para os primeiros anos de vida. As recomendações mais atualizadas sobre cuidados diários, como alimentação, banho, sono e brincadeira. Informações pormenorizadas sobre o desenvolvimento infantil incluindo as diferenças entre meninos e meninas e como adaptar a sua abordagem."

terça-feira, 20 de março de 2018

A linguagem mágica dos bebés


Autor: Joana Rombert
Ano: 2017
Número de páginas: 247
Editora: Esfera dos livros

Lido entre 31/12/2017 e 19/03/2018 (79 dias)
Classificação: 4/5


Opinião:
Livro dado pela minha irmã mais nova, no meu aniversário. Um dos motivos pelo qual a minha irmã deu-me este livro foi pelo facto da autora já ter estado na "Prova Oral" da Antena 3, e de nós as duas gostarmos bastante deste programa. E acho que a minha irmã não tem noção como eu gosto TANTO do tema da aquisição e desenvolvimento da linguagem! Se um dia fosse fazer uma tese, muito provavelmente escolheria alguma coisa relacionada com este assunto!
Decidi passar este livro à frente da fila de imensos livros que tenho para ler, porque não faria sentido lê-lo daqui a 3 ou 4 anos. Faz sentido agora, que tenho um bebé pequenino. :)
Este foi o livro ao qual dediquei a minha leitura quando estive aquelas horas todas em trabalho de parto, e depois no hospital. É, por isso, um livro muito especial! :) 
Entretanto fiz uma pausa neste livro para ler outro.
Tenho também de me habituar à ideia que não vou conseguir ler livros tão "rapidamente" como antigamente.
O livro é super interessante! Para além de ter a "matéria" toda da disciplina, tem indicações das competências que os bebés devem perseguir a cada mês, assim como sinais aos quais a pessoa deve estar atenta. Tem, também, pequenos jogos e exercícios que se pode fazer com o bebé para estimular ao nível da linguagem e não só.


Sinopse:
"O nascimento de um bebé é um acontecimento único na vida dos pais, mas que muitas vezes traz também consigo inúmeras dúvidas. Sobretudo porque, numa primeira fase, não conseguimos interpretar o choro, os gestos ou as reações dos nossos filhos. Será que chora porque tem sono ou porque tem fome? Está a contorcer-se porque tem frio ou cólicas? Compreender o comportamento do seu filho, ouvir a sua voz e conseguir interpretá-la vai ajudá-lo a decifrar a sua linguagem, a perceber os recados que lhe quer transmitir e a descobrir as suas reais intenções. Depois pode começar a desfrutar da procura da sintonia e do prazer mútuo de comunicar, criar uma relação tranquila e especial e apaixonar-se ainda mais. Até chegar ao ponto em que diz «Este é o meu bebé e eu sei do que ele precisa». Comunicar com o seu filho não implica apenas falar com ele, a linguagem do amor passa também por tocar, embalar, sorrir para o seu bebé, entre tantos outros gestos plenos de ternura e carinho. 
E quando ele começar a balbuciar, a dizer as primeiras palavras e a produzir as primeiras frases, incentive-o, estimule-o e acredite que pode desde o primeiro momento conversar, porque para comunicar são sempre precisos mais do que um e você e o seu filho serão os interlocutores perfeitos. A Linguagem Mágica dos Bebés, da especialista Joana Rombert, descreve as várias etapas comunicativas e linguísticas do desenvolvimento da criança, desde os 0 meses até aos 3 anos. Neste livro profusamente ilustrado, encontra ainda as estratégias e os jogos que o vão ajudar a estimular e desenvolver a comunicação com seu filho. Compreenda a linguagem secreta do seu bebé e apaixone-se ainda mais!"

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Exercícios pós-parto


Autores: Margie Polden e Barbara Whiterford
Ano: 1993
Editora: Publicações Dom Quixote
Número de páginas: 130

Lido entre 15/01/2018 e 27/02/2018 (44 dias)
Classificação: 3/5


Opinião:
Arranjei este livro para a minha irmã, quando estava grávida,em 2012. 
Não sei exatamente quando comecei a ler este livro, nem quando terminei. As datas que coloquei aqui são apenas uma ideia aproximada. Mas sei que li o livro todo em casa dos meus pais, quando ia para lá quando o meu bebé nasceu. E aproveitava para ler nas alturas em que o bebé estava a dormir. Só depois de ter acabado a leitura toda é que comecei a fazer realmente os exercícios... :/ Eu sou tão preguiçosa para exercício físico! Penso que se fizesse tudo o que sugere, daria para uns 45 minutos de cada vez, acho eu.
A imagem da capa que coloquei neste post está em inglês, mas o meu livro é em português.


Sinopse:
"Para recuperar a forma rapidamente e com segurança depois de um parto, este livro apresenta-lhe um programa de exercícios completamente ilustrado, fácil de cumprir e dirigido às necessidades específicas das novas mães. Escrito por dois especialistas de obstetrícia e desenvolvimento infantil, "Exercícios pós-parto" começa com exercícios suaves que podem ser feitos na cama ou em momentos de ócio, evoluindo depois para uma rotina mais vigorosa. Concebido para mulheres com uma vida ocupada, este livro tem, entre outras, as seguintes caraterísticas especiais: 
- conselhos sobre as muitas questões práticas e emocionais que acompanham o nascimento de uma criança; 
- técnicas de relaxamento ilustradas; 
- informações sobre o inicio do desenvolvimento e as primeiras necessidades do bebé; 
- exercícios para fazer com o bebé; 
- programa exaustivo para recuperação da sua forma nos primeiros seis meses, com especial incidência no período crucial pós-parto (0-6 semanas); 
- conselhos especiais para mulheres que tenham feito cesarianas."

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Vídeo - 9 meses


Este vídeo foge completamente do "tema" do blog, mas eu tinha de o publicar!

Vi este vídeo pela primeira vez na segunda aula de preparação para o parto. Na altura tinha muito medo porque a gravidez estava a correr bem de mais. Agora tenho a sensação espetacular do que é ser mãe, e tenho medo de tudo o que pode acontecer, porque o meu bebé é perfeito de mais!

sábado, 30 de dezembro de 2017

O livro de magia das mães


Autor: Constança Cordeiro Ferreira
Ano: 2016
Número de páginas: 245
Editora: Matéria Prima

Relido entre 28/12/2017 e 30/12/2017 (3 dias)
Classificação: 4/5


Opinião:
Já tinha lido este livro em agosto deste ano, mas tinha decidido na altura que tinha de o ler novamente. Desta vez li-o mais rápido e fui colocando alguns post-its em algumas páginas que achei mais interessantes.
A sensação que se tem ao ler este género de livros é que ser mãe (e pai) é muito difícil!! Por outro lado, o facto de ler vários livros, faz com que ajude a não me seguir por uma única perspetiva, já que me ajuda a pensar sobre o assunto e refletir sobre isso.


Sinopse:
"Depois do sucesso de "Os Bebés Também Querem Dormir", o novo livro de Constança Cordeiro vem falar das mães e das suas necessidades: como as mães podem e devem continuar a cuidar delas, enquanto cuidam do bebé. As principais decisões e dilemas que envolvem o processo da gravidez, o pós parto, a amamentação, o sono, a relação com a família e a gestão do dia-a-dia com um bebé nos primeiros 2 anos. Conselhos práticos e estratégias para que a maternidade seja uma aventura vivida em paz e harmonia como bebé. Histórias reais de mães que falam da maternidade tal como ela é."